"Fado Português: Songs from the Soul of Portugal" lançado em New Bedford e Fall River

Donald Cohen, advogado reformado natural de Nova Iorque e a residir
actualmente em Los Angeles, Califórnia, esteve a semana passada nesta área
para lançamento de "Fado Português, Songs from the Soul of Portugal", um
livro sobre fado, diversos autores, compositores e intérpretes. Trata-se da
segunda edição, uma vez que foi esgotada a primeira. O livro, de 144 páginas
e impresso em inglês, será apresentado no próximo mês de Julho em Portugal.
Contém, para além de transcrições musicais em pauta, poemas em português e
inglês, uma breve história sobre o fado e um CD com 26 fados, extensivos
apontamentos sobre cada fado e seus autores e fotos históricas sobre a
cidade de Lisboa, clubes e restaurantes de fado e intérpretes, podendo
também consultar aqui as mais populares casas de fado, com os respectivos
endereços e números de telefone.
Na tarde da passada terça-feira, no salão do Clube Madeirense do Santíssimo
Sacramento, em New Bedford, Donald Cohen falou apaixonadamente sobre fado,
fadistas, autores, compositores e as novas tendências da canção nacional, as
transformações e influências que foi sofrendo mediante circunstâncias da
vida social e política portuguesa. "Antigamente o fado chegou a ser conotado
com o passado e com o regime fascista de Salazar. Contudo, nos últimos vinte
anos, tem-se registado profundas alterações de mentalidade em relação ao
fado, considerado parte vital da herança portuguesa e não como uma
identificação ao velho regime salazarista", sublinhou Donald Cohen,
adiantando que os últimos anos têm sido férteis no surgimento de novos
valores, sobretudo intérpretes.
No dia seguinte, quarta-feira, Donald Cohen lançou o seu livro na Baker
Books, em Fall River.
Talvez como PT divulgou anteriormente, esta paixão de Donald Cohen pelo fado
surgiu nos anos 60, em Los Angeles, quando pela primeira vez ouviu Amália
Rodrigues numa estação de rádio americana. "Ouvi uma canção linda nessa voz
fabulosa de Amália e senti uma emoção forte. Fiquei impressionadíssimo e fui
às lojas à procura de fado. A minha primeira colectânea de fado contém nomes
como Maria Clara, Max e Hermínia Silva. Foi através da música portuguesa e
do fado em particular que me desloquei a Portugal e faço-o frequentemente.
Adoro o fado, Lisboa, os portugueses e até na matrícula do meu carro uso a
palavra fado e o meu website é: www.fado.org", salienta Donald Cohen, que se
revela grande amigo pessoal de Carlos do Carmo. Leccionou História durante
vários anos na universidade UCLA e Ciências Bibliotecárias na U.S.C..



Voltar à primeira página desta secção

Voltar à primeira página desta edição

Copyright © 1997/2001 The Portuguese Times
Autorizada a reprodução de artigos publicados nesta página desde que mencionada a origem